Menu

Logo 5 2017 SemSlogan

Cofip ABC lança desafio juntamente com o Hub de Inovação de Santo André

Cofip ABC lança desafio juntamente com o Hub de Inovação de Santo André Divulgação/ Braskem

 Ao todo, serão cinco desafios relacionados aos processos químicos inteligentes e mais sustentáveis

Santo André, 23 de novembro de 2021 - O Parque Tecnológico de Santo André, por meio do Hub de Inovação, lançou o seu terceiro desafio, o “Cofip Challenge – Processos químicos inteligentes e mais sustentáveis”. Juntamente com o Comitê de Fomento Industrial do Polo do Grande ABC (Cofip ABC), as universidades, empresas e startups terão a oportunidade de ajudar a contribuir com a evolução dos procedimentos e das tecnologias aplicadas a processos químicos no Polo Petroquímico do Grande ABC.

O Cofip ABC representa 16 empresas residentes do Polo Petroquímico do ABC: Air Liquide, AkzoNobel, Ambipar, Aquapolo, Bandeirante Brazmo, Braskem, Cabot, Chevron Oronite, Consigaz, Copagaz, Liquigás, Oxiteno, GTM quantiQ, Supergasbras, Ultragaz e Vitopel.

Ao todo, foram lançados cinco desafios nesta etapa, relacionados à transformação digital aplicada a processos químicos e suas operações, com foco no uso de tecnologias digitais para aumento da eficiência dos processos, na ergonomia e segurança operacional; no uso de conectividade, de inteligência artificial e realidade aumentada como ferramentas de apoio à manutenção e operações remotas assistidas.

"Na esteira dos grandes grupos econômicos da nossa região do ABC, o Parque Tecnológico celebra os desafios apresentados pela cadeia química, desafios que mobilizarão boa parte dos centros acadêmicos e de pesquisa, além das startups e todo nosso ecossistema de inovação", afirmou o secretário de Desenvolvimento e Geração de Emprego, Evandro Banzato.

Outro ponto de destaque do Cofip Challenge é o monitoramento avançado de processos e ambientes para explorar o potencial da conectividade 5G, de IoTs, de monitoramento avançado e bigdata em processos, visando aumento de eficiência e manutenção dos ativos. Além destes, também terá o desafio relacionado a tecnologias que promovam a sustentabilidade e a adoção de energias sustentáveis nos processos do Polo.

Os interessados poderão se candidatar aos desafios por meio do site https://bit.ly/CofipChallenge. As inscrições podem ser feitas até o dia 15 de dezembro de 2021.

Como forma de sanar possíveis dúvidas a respeito da Cofip Challenge, o Parque Tecnológico de Santo André realizará o evento de lançamento no próximo dia 30 de novembro, às 17h. Para participar, será necessária a inscrição por meio do site https://bit.ly/lancamento_Cofip.

Importância do setor – Integrantes do Hub de Inovação desde maio, as 16 empresas da Cofip ABC, juntas, representam faturamento anual de R$ 9,7 bilhões.

A indústria representa 22% do PIB (Produto Interno Bruto) da cidade, sendo que o setor químico responde por mais de 50% da composição deste índice.

Com sua atuação iniciada em 1954, o setor químico tem presença marcante no ABC. O Hub de Inovação do Parque Tecnológico de Santo André vai mobilizar esforços do ecossistema de inovação da região para que os próximos anos sejam de muita competitividade e relevância econômica, gerando empregos e renda, de forma ambientalmente responsável.

Ações de Inovação – O Hub de Inovação, desenvolvido pela Prefeitura de Santo André, contata empresas que realizam pesquisas e o desenvolvimento de produtos e processos de forma sistemática ou continuada, que tenham laboratórios próprios ou equipes de pesquisa, desenvolvimento e inovação dedicadas (PD&I).

O Hub de Inovação do Parque Tecnológico faz a ligação entre estas empresas e startups, universidades, Centros Tecnológicos e ICTs da região, promovendo maior integração e fortalecimento do ecossistema de inovação.

Além do Hub, o Parque Tecnológico de Santo André também conta com o Bureau de Serviços Tecnológicos, estrutura integrada de atendimento que unifica a rede de serviços tecnológicos da cidade de Santo André e região. A ferramenta oferece atualmente mais de 120 serviços.

O Parque Tecnológico em breve também contará com o Cite (Centro de Inovação, Tecnologia e Empreendedorismo de Santo André). A Prefeitura anunciou, no dia 21 de outubro, a assinatura da liberação de recursos para a construção do Cite, que terá sede na antiga área da Rhodia Química, em cerca de 7 mil metros quadrados de áreas construídas. Serão investidos R$ 27 milhões oriundos do Ministério do Desenvolvimento Regional, por meio da Caixa Econômica Federal, somados a R$ 2 milhões de contrapartida da Prefeitura. A expectativa de entrega é entre 2022 e 2023.

Outra iniciativa do Parque Tecnológico de Santo André é o CapacitaTech, uma plataforma que concentra informações e dá acesso direto a cerca de 7 mil cursos na área de TI, a maioria gratuitos, ofertados por empresas do Brasil e do mundo. As oportunidades de capacitação são promovidas por 80 empresas, como Microsoft, HP Life, Qlik, Dell, Instituto Tim, Sebrae, Senai, FGV, Udemy, Data Science Academy, IGTI, CEcyber, Google, 4 Linux, Intel, AWS e outros. A plataforma também oferece 42 oportunidades de certificação na área de tecnologia para quem quer atestar uma especialização em determinadas tecnologias ou metodologias, incluindo um Guia de Certificações da DB1 Group. O link de acesso ao CapacitaTech é https://bit.ly/capacitatech-santoandre.

O Parque Tecnológico e de Inovação é parte fundamental da política de desenvolvimento econômico já em operação pela Prefeitura e tem como missão promover a inovação e competitividade nas empresas, potencializando as estruturas já existentes na cidade e região, estimulando a extensão tecnológica nas instituições de ensino superior e atuando nas oportunidades econômicas do ABC.

| Texto: Renan Muniz
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. / 4433-0142
| Foto: Divulgação/Braskem

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo