Menu

Logo 5 2017 SemSlogan

Castramóvel de Santo André retoma atividades Destaque

Foto: Baima/PSA Foto: Baima/PSA

 Equipamento beneficia donos de animais que residem em áreas distantes ou têm dificuldade no deslocamento até as clínicas conveniadas

Santo André, 20 de outubro de 2021 – A Prefeitura de Santo André retomou nesta quarta-feira (20) as atividades do Castramóvel, equipamento que reforça o amplo programa de castração de cães e gatos já existente no município. A unidade possibilita que tutores de animais residentes em áreas distantes ou que têm dificuldade no deslocamento até as clínicas conveniadas acessem o serviço com mais facilidade. Além das atividades desta quarta, a unidade móvel permanecerá na Vila Guaraciaba, realizando castrações previamente agendadas, nos dias 27 de outubro, 10 e 17 de novembro.

“Santo André é uma cidade amiga dos animais, por isso, seguimos buscando diferentes maneiras de implantar políticas públicas voltada para essa importante causa. O programa de castração em nenhum momento foi interrompido no município, mesmo durante o período mais crítico da pandemia, em que houve a necessidade de paralisar as atividades do Castramóvel para cuidar da segurança da nossa gente e evitar aglomeração. Durante todo esse tempo, as quatro clínicas particulares credenciadas para realizar as castrações permaneceram com os procedimentos normalmente”, pontuou o prefeito Paulo Serra.

As áreas beneficiadas pelo Castramóvel são escolhidas com base nos históricos de estudos epidemiológicos de cada região. O cronograma de atendimento do equipamento itinerante será divulgado posteriormente pela Prefeitura de Santo André.

Moradora da Vila Guaraciaba, Thais Alves da Silva, de 29 anos, levou as gatas Leona e Pequena para serem castradas na tarde desta quarta. “A Leona tem um ano e já deu cria uma vez. Então a gente acha importante castrar porque fica muito difícil doar os filhotes e achar alguém que realmente cuida. Eu até procurei castração paga, mas para as duas gatas teria uma despesa de quase mil reais. Eu pagaria, mas estou desempregada e está muito difícil, então demoraria muito mais tempo para eu conseguir fazer. Aqui eu só tenho os gastos do pós-operatório, essa economia me ajudou muito”, comentou.

Para ser castrado, o animal precisa ter entre quatro meses e sete anos de idade, estar em boas condições de saúde e ter um preparo de jejum de dez horas. Após o procedimento é agendado o retorno médico para a retirada dos pontos.

Os interessados em realizar a castração também podem solicitar o serviço na Gerência de Controle de Zoonoses, localizada na rua Igarapava, 239, no bairro Valparaíso, de segunda a sexta, das 8h às 17h. É necessário apresentar documento de identidade e comprovante de residência. Após a inscrição, o solicitante recebe uma ligação de uma das quatro clínicas credenciadas para saber a data e horário da cirurgia.

Sobre o Castramóvel - O equipamento é dimensionado para operar com um médico veterinário e um auxiliar. Os profissionais da vigilância epidemiológica complementam o serviço realizando o processo administrativo, cadastro de novas castrações e fornecendo orientação sobre a guarda responsável. A carreta possui sala cirúrgica, pré-operatório, pós-operatório e sala de assepsia.

O programa municipal de castrações de cães e gatos, remodelado em 2017, atende de forma totalmente gratuita munícipes interessados nesse serviço. Ao todo, mais de 3 mil animais já foram castrados. Atualmente são realizados cerca de 300 procedimentos ao mês em quatro clínicas particulares credenciadas.

É importante manter o telefone de contato atualizado, pois será por meio dele que a clínica conveniada entrará em contato para informar data, local e horário do atendimento.

| Texto: Rafaela Mazarin

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo