Menu

Logo 5 2017 SemSlogan

Santo André inicia campanha de vacinação contra gripe nesta segunda-feira Destaque

Foto: Alex Cavanha/PSA Foto: Alex Cavanha/PSA

 

Crianças de seis meses a dois anos de idade, gestantes e puérperas fazem parte do público-alvo

Santo André, 12 de abril de 2021 – A partir desta segunda-feira (12) a Prefeitura de Santo André dará início à campanha de vacinação contra gripe nas 32 unidades de saúde do município. A imunização acontecerá de segunda a sexta, das 8h às 17h.

 

“A proteção da nossa gente é fundamental para que possamos avançar na direção de um novo normal. Por isso, Santo André é sinônimo de eficiência e segurança na imunização da nossa gente. Mais uma proteção para conseguirmos resistir à pandemia, com cuidado, dignidade e respeito”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

 

A primeira etapa da campanha será dividida em duas fases. Na primeira, que se inicia no dia 12 de abril, a vacinação será destinada a crianças de seis meses a dois anos de idade, gestantes e puérperas. 

 

A segunda fase da primeira etapa terá início em 19 de abril e será voltada para crianças de dois a seis anos de idade, além de trabalhadores da saúde. 

 

A escolha dos grupos prioritários segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). São priorizados grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias. A definição é respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias, que têm como principal agente os vírus da gripe.

 

A segunda etapa da campanha está prevista para começar em 11 de maio, sendo voltada para idosos com idade superior a 60 anos e professores. Conforme novas doses forem enviadas pelo Ministério da Saúde para o município, a vacinação poderá ser aberta para novos públicos.

 

Ao procurar um posto de vacinação, é importante levar a carteira de vacinação para o registro. 

Para as pessoas que não fazem parte do grupo prioritário, a orientação é que sejam adotadas medidas simples de prevenção para evitar a doença, como higiene do ambiente, etiqueta respiratória (como cobrir nariz e boca ao espirrar ou tossir), lavagem das mãos com água e sabão e uso do álcool em gel. Tais ações podem prevenir não só a gripe, como outras doenças, como a Covid-19.

A campanha nacional de vacinação contra a gripe tem previsão de ser encerrada em 9 de julho.

 

Covid-19 - O Ministério da Saúde não recomenda que seja feita a aplicação das vacinas contra a Covid-19 e contra a influenza conjuntamente. A pasta recomenda que as pessoas que estiverem nos grupos prioritários procurem se vacinar antes contra a Covid-19. Especialistas recomendam um intervalo de pelo menos 14 dias entre a imunização contra coronavírus e a vacina contra a gripe.

Texto: Rafaela Mazarin

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo