Logo 5 2017

 

Menu

Núcleo Sorocaba é o 12º a receber programa Moeda Verde

Núcleo Sorocaba é o 12º a receber programa Moeda Verde Alex Cavanha/PSA

Trocas na comunidade vão beneficiar cerca de 5 mil famílias

Santo André, 4 de setembro de 2019 - O programa Moeda Verde, realizado pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) e pelo Fundo Social de Solidariedade de Santo André, chegou nesta quarta-feira (4) à 12ª comunidade da cidade, o Núcleo Sorocaba. Agora, aproximadamente 5 mil famílias que residem no local serão beneficiadas direta e indiretamente pelo programa que troca 5 kg de resíduos recicláveis por 1 kg de alimento do tipo hortifrúti.
"Mais um Núcleo contemplado com o Moeda Verde. O programa segue em expansão pela cidade, para combater o descarte irregular de lixo, estimular a reciclagem e melhorar a qualidade de vida da nossa gente, com sustentabilidade e alimentos frescos", afirmou o prefeito Paulo Serra.

Nem o friozinho nem a garoa espantaram a moradora Solange Aragão da Silva Figueira que, junto com o marido, Samuel Dias Figueira, recolheu resíduos por toda a comunidade para levar na primeira troca. Os resíduos arrecadados se tornaram bananas, maracujás, cebolas, batatas-doces e verduras que serão distribuídos aos amigos do bairro e à família de Solange e Samuel. “Me apaixonei pelo projeto. Espero que todo mundo aqui ‘da quebrada’ comece a participar para que, juntos, possamos ajudar na limpeza da cidade e ainda levar um alimento para casa”, comentou Samuel.

O superintendente do Semasa, Almir Cicote, presente no lançamento, comemorou a chegada do programa ao local, ressaltando a importância da ação para a melhoria do bairro, da cidade e do meio ambiente. “O Moeda Verde é muito importante, pois também auxilia na geração de renda para os 150 cooperados que atuam nas cooperativas de reciclagem da cidade, para onde estes resíduos recebidos nas trocas são encaminhados”, disse.

O ponto de troca do Moeda Verde no Núcleo Sorocaba fica na rua Sabaúna, ao lado do campo de futebol do Flamenguinho, e as trocas ocorrerão a cada 15 dias, sempre de quarta-feira, às 9h30. A estreia ocorrida nesta quarta-feira faz parte da terceira fase de expansão do programa e contabilizou um total de 228,2 kg de resíduos recicláveis, sendo que 45 kg de alimentos foram distribuídos.

O Moeda Verde está presente em 12 comunidades carentes de Santo André: Ciganos, Capuava, Jardim Cipreste, Eucaliptos, Vista Alegre/Kibon, Santa Cristina, Jardim Cristiane, Sítio dos Vianas, Cruzado I e II, Pintassilgo e Tamarutaca. Até o fim do ano programa chegará em mais dois locais: Espírito Santo e Missionários. A iniciativa já beneficia mais de 62 mil moradores nestes núcleos.

Texto: Paloma Alvarez

Última modificação emQuarta, 04 Setembro 2019 18:24

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo