Logo 5 2017

Menu

Maestrina Natália Larangeira participa de curso de regência em Portugal

A maestrina terá aulas com Collin Metters, professor emérito de regência da Royal Academy of Music, de Londres A maestrina terá aulas com Collin Metters, professor emérito de regência da Royal Academy of Music, de Londres Divulgação/ PSA

 

A regente assistente da Orquestra Sinfônica de Santo André terá aulas no período de 22 a 28 de maio

Santo André, 19 de maio de 2017 – A maestrina Natália Larangeira foi selecionada para participar da terceira edição da Masterclass Internacional de Regência com o maestro Collin Metters e a Atlantic Coast Orchestra, na cidade de Esposende, Portugal. Natália Larangeira é regente assistente da Orquestra Sinfônica de Santo André e diretora artística da Associação Camerata Filarmônica de Indaiatuba. Natália embarca neste sábado para Portugal e o curso será realizado entre os dias 22 e 28.

Para Natália, esta é uma rara oportunidade de trabalhar com o renomado maestro Collin Metters, professor emérito de regência da Royal Academy of Music, de Londres, reconhecido mundialmente por suas pedagogias voltadas ao estudo da regência orquestral. O repertório que será trabalhado na masterclass traz obras desafiadoras que permitem aos seus participantes grande evolução técnica, são elas: Sinfonias nº 1 e 2, de Beethoven, a abertura da ópera “L´italiana in Algeri”, de Rossini, a Sinfonia nº 40, de Mozart e a Suite Tcheca op. 39, de Dvorak.

Segundo a maestrina, os cursos no exterior são numerosos, porém, nem sempre acessíveis aos jovens estudantes. Para ela, experiências internacionais acrescentam muito em relação à formação musical e humanística. ‘Todos os professores sempre tem algo importante para nos ensinar, toda orquestra faz música de uma forma muito particular. Participar de cursos internacionais é sempre uma oportunidade de conhecer novas formas de pensar e fazer música e a troca de experiências é sempre enriquecedora. Voltamos para casa com mais ânimo e vontade de contribuir com a música no nosso país’, conclui.

 


Assessoria de Imprensa de Santo André
Marcos Imbrizi

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo