Menu

Logo 5 2017 SemSlogan

Atenção
  • JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 1847
  • JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 2261

Os Barbixas retornam ao Teatro Municipal com ‘Improvável’

Em “Improvável”, plateia sugere temas para atores improvisarem as cenas Em “Improvável”, plateia sugere temas para atores improvisarem as cenas Divulgação

 Programação tem outros espetáculos de teatro, cinema e exposições; Vila de Paranapiacaba é opção de passeio no feriado

Santo André, 9 de novembro de 2016 – A comédia stand-up ‘Improvável’, com Os Barbixas é o destaque do Teatro Municipal de Santo André Antônio Houaiss no fim de semana. As apresentações serão na sexta-feira, às 21h30, no sábado, às 21h, e domingo, às 18h. Indicado para maiores de 14 anos. Ingressos a R$ 60, com meia-entrada para estudantes, aposentados, professores da rede pública estadual e portadores de flyers promocionais. O endereço é Praça IV Centenário, s/n, Centro. Informações pelo telefone 4433-0786.

A versão do grupo de formação 17 da Escola Livre de Teatro de ‘Platônico’, texto inacabado de Anton Tchekhov, que trata da ação do tempo em nossas vidas está em cartaz na Escola Livre de Cinema e Vídeo até 11 de dezembro. As apresentações gratuitas acontecem sextas-feiras e sábados, às 19h30, e domingos, às 19h. O endereço é Av. Utinga, 136, Santa Terezinha.

E o CEU das Artes Jardim Marek realiza neste fim de semana um festival de teatro. No sábado, serão apresentados ‘Camila’ e ‘A Bela e a Fera’, com o Grupo Cênico Tatu Bola, da Escola Municipal Dona Cotinha, de Pará de Minas (MG), às 15h, e ‘Raiz, o Encontro que Só Acontecia na Sala de Casa’, com a Trup´lê – Núcleo Raízes, do Colégio Iemano, de Diadema (SP), às 19h. No domingo as atrações serão ‘Dois Corações e Quatro Segredos’, com o Núcleo Cativar, às 10h30; ‘Do que Você Precisa?’, com a Trup´lê – Núcleo Metamorfose, do Colégio Iemano, de Diadema (SP), às 15h, e ‘A Ponte’, com o Grupo Acalanto, do Colégio Eduardo Gomes, de São Caetano do Sul (SP), às 19h. Todos espetáculos têm indicação livre, com entrada gratuita. O endreço é Praça Jabuticabeiras, no Jardim Marek.

O Cine Concha, parceria da Casa da Palavra Mário Quintana e o Coletivo Lentes Periféricas, apresenta nesta quinta-feira, às 19h, os documentários Causa ‘Vitae Curriculum Mortis’, de Lucas Scandurra, e ‘Cartas Filmadas’, do Coletivo Lentes Periféricas. Ambas produções foram premiadas em mostras nacionais e internacionais. E no sábado, às 14h, será aberta a exposição ‘A implantação de um trauma e seu sucesso e a mecânica do livro no espaço’, do poeta e músico Ricardo Escudeiro e do poeta e artista plástico Leonardo Mathias. No mesmo horário acontece mais uma sacada literária, que visa a troca de livros e o estímulo à leitura. O endereço da casa é Praça do Carmo, 171, Centro. Grátis.

Exposições - A exposição R.I.P., R.I.P., Hurra – Reflexões Sobre o Humor e a Morte está em cartaz na Sala Especial do Museu de Santo André Dr. Octaviano. Trata-se de um ensaio fotográfico produzido pelo fotógrafo Daniel Zeppo e o artista Carlos Cálamo apresentando o palhaço Gardênio entre os túmulos e alamedas do cemitério do Araçá. No local o público pode conferir ainda a exposição Evoé, com objetos, fotografias e documentos pertencentes ao acervo do Museu que contam a trajetória do teatro da cidade, com destaque para o Teatro de Alumínio, Conchita de Moraes, Carlos Gomes e o Municipal. Nesta semana as visitas gratuitas podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30. O endereço é Rua Senador Fláquer, 470, Centro.

E a exposição Bairros: Incluindo memórias, incluindo cidadãos, com imagens e textos dos bairros da cidade, visa valorizar as referências locais na construção da memória e da história de Santo André. Ela pode ser conferida na Praça Embaixador Pedro de Toledo, Centro; no Parque Antonio Pezzolo, Av. Utinga, 136, Vila Metalúrgica, na Praça São Camilo, Vila Camilópolis, no Parque Prefeito Celso Daniel, na Av. Dom Pedro II, 940, Bairro Jardim, no CESA Parque Erasmo, Jardim Rina, na Praça Lisboa, Sacadura Cabral, no Parque Regional da Criança, na Av. Itamarati, 536, Parque Jaçatuba, no Parque Central, na Rua José Bonifácio, s/n, Vila Assunção, no Parque da Juventude, Jardim Ipanema, na Praça Cristo Operário, Vila Linda, na Praça do Mercado, em Paranapiacaba, na Praça Tumucumaque, Vila Floresta, Centro de Artes e Esportes Unificados do Jardim Marek, no Terminal de Ônibus Urbano de Vila Luzita, e na Praça Delfino Ribeiro Guimaz, Parque Capuava. A atividade foi contemplada pelo Programa de Ação Cultural do Governo do Estado de São Paulo.

Na Casa do Olhar Luiz Sacilotto o público pode conferir a exposição ‘Aceita?’, do artista Moises Patrício, que há mais de três anos se impôs o desafio de publicar uma foto por dia em rede social, na qual tem mais de 1500 seguidores, como parte de um projeto que questiona o racismo e a intolerância religiosa de cada dia. Visitas gratuitas até 26 de novembro, de terça a sexta-feira das 10h às 17h, e sábados, das 10h às 15h. O endereço é Rua Campos Sales, 414, Centro.

Já no Salão de Exposições do Paço Municipal é possível conhecer a exposição da Semana de Prevenção no Trânsito. São trabalhos de alunos da rede municipal de ensino, realizados a partir da parceria entre a Secretaria de Educação e o Departamento de Trânsito para promover ações de educação e prevenção. Visitas gratuitas até sábado, das 14h às 19h. O salão fica na Praça IV Centenário, s/n, Centro.

Bibliotecas – Os cartunistas e ilustradores Luiz Carlos Fernandes e Gilmar Machado Barbosa são os convidados da Biblioteca Cecilia Meireles nesta quinta-feira (10), às 10h, para comentar a profissão de cartunista. Os ganhadores do prêmio HQmix como melhores cartunistas do Brasil falarão sobre o campo de atuação e o mercado de trabalho. A biblioteca fica na Praça Valdemar Soares, s/n, no Parque das Nações. E na Biblioteca Nair Lacerda, no sábado, às 16h, a Cia Falta um Estudo apresenta ‘Fernando Pessoa, um poeta fingidor’, estudo baseado na peça O Fingidor, de Samir Yazbek. Em sua última semana de vida o poeta Fernando Pessoa escolhe vivenciar uma experiência inusitada: disfarça-se como datilógrafo para trabalhar na casa de um crítico literário. O endereço é Praça IV Centenário, s/n, Centro. Atividades gratuitas.

Cinema – A Mostra de Cinema Contemporâneo Brasileiro apresenta nesta quinta-feira (10), às 19h, o filme O Palhaço. A apresentação acontecerá no CEU das Artes do Jardim Marek (Praça Jabuticabeiras), indicado para maiores de 12 anos. Entrada franca.

Paranapiacaba – Nos feriado da Proclamação da República, Paranapiacaba pode ser uma boa opção de passeio. Localizada a cerca de 30 km do Centro de Santo André, a vila ferroviária construída por uma companhia inglesa no fim do século 19, e considerada patrimônio histórico nacional, oferece série de atividades relacionadas ao turismo cultural e ambiental. Confira mais informações em: http://www2.santoandre.sp.gov.br/index.php/paranapiacaba. Ou no Centro de Informações Turísticas de Paranapiacaba, tel. 11 4439-0109. As atrações funcionarão na nos quatro dias 10h às 16h.

A programação cultural é organizada pela Secretaria de Cultura e Turismo de Santo André. O conteúdo está disponível em: http://www2.santoandre.sp.gov.br/images/pdf-portal-pmsa/SCELT/agenda-cultural/AGNOVEMBROBAIXA.pdf. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 4433-0577.

Sobre a Secretaria de Cultura e Turismo

A Secretaria de Cultura e Turismo é responsável por promover o desenvolvimento e a difusão das atividades ligadas à cultura, arte e turismo. Cuida também da preservação histórica e do patrimônio cultural de Santo André, além de promover o calendário de festividades do município e coordenar os programas executados nas bibliotecas, museus, teatros, escolas de artes, orquestra, espaços esportivos e centros comunitários.

Estão sob os cuidados da Pasta os conselhos municipais de Cultura, de Turismo e de Defesa do Patrimônio, Histórico, Artístico, Arquitetônico-urbanístico e Paisagístico de Santo André, bem como o Fundo de Cultura.

A respeito de Santo André

A Vila de Santo André da Borda do Campo foi fundada em 8 de abril de 1553 e extinta em 1560. A localidade passou a ser parte do município de São Paulo e apenas em 1889 é que a região passou a ter um município com nome de São Bernardo. Este abrigava todo o ABC, e com a transferência de sede em 1939 passou a ser denominado Santo André. Este nome permaneceu, e após diversas emancipações de distritos, em 1953, o município de Santo André passou a ter a área atual de 174,38 km².

Localiza-se no ABC paulista (Região Metropolitana de São Paulo), distante 18 km da Capital. A cidade é estratégica para o setor logístico, pois está inserida no principal pólo econômico brasileiro, próxima a algumas das principais rodovias estaduais e federais, as quais dão acesso ao Porto de Santos e aos aeroportos de Cumbica e de Congonhas.

Conforme último Censo, divulgado em 2010, com estimativa para 2014, Santo André possui 707.613 habitantes. No ano de 2013, o PIB (Produto Interno Bruto) foi de R$ 25,028 bilhões, sendo o 25º maior do País e o 10º maior entre as cidades do Estado de São Paulo. O orçamento previsto para 2016 é de R$ 3,38 bilhões.

Links:
Visite o site: www.santoandre.sp.gov.br
Facebook: https://www.facebook.com/PrefeituradeSantoAndre
Twitter: https://twitter.com/PrefStoAndre

Mais informações para a imprensa:
Marcos Imbrizi: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Roberto Nascimento: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Última modificação emSexta, 18 Novembro 2016 07:49

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo