>

EXPERIMENTOS

Anel Saltador

 

 

Experiência com eletro-magnetismo. A corrente elétrica ao passar pela bobina primária gera um campo magnético variável, que induz uma corrente na espira e o sentido da corrente na espira obedece a Lei de Lenz

Ligando-se a bobina a uma fonte de tensão alternada (tomada de energia elétrica) circulará por ela uma corrente gerando um campo magnético variável que provocará o aparecimento de uma corrente induzida no anel.
O sentido desta corrente induzida obedece à Lei de Lenz e é contrário ao da corrente na bobina, ou seja, o campo magnético gerado no anel tende a se opor ao campo existente na bobina e o anel é sempre repelido por ela, provocando o “salto”.

Quando acionamos o interruptor elétrico, um “pico” de corrente passa pela bobina produzindo um grande variação de campo magnético na haste de ferro vertical, onde esta colocado o anel de alumino. Esse campo magnético induz uma corrente elétrica no anel metálico que gera outro campo magnético. Como se fosse um ímã, o anel é repelido pelo campo produzido pela bobina. A repulsão magnética causa o salto do anel. Temos um anel de alumínio e outro de cobre, ao ligarmos as duas chaves, percebemos que o anel de alumínio salta mais alto por ser mais leve e mais espesso que o de cobre.

 

 

LEI DE LENZ

Em 1834, o físico russo Heinrich E. Lenz (1804-1865) define que a força eletromotriz é igual ao negativo da variação do fluxo magnético no interior da espira, assumindo a forma:Segundo a lei de Lenz, qualquer corrente induzida tem um sentido tal que o campo magnético que ela gera se opõe à variação do fluxo magnético que a produziu. Havendo diminuição do fluxo magnético, acorrente criada gerará um campo magnético de mesmo sentido do fluxo magnético da fonte. Matematicamente, a lei de Lenz é expressa pelo sinal negativo que aparece na expressão da Lei de Faraday
Tendo comoexemplo uma espiral circular no mesmo plano da tela do monitor submetida a um fluxo magnético constante (portanto sem corrente induzida) e “entrando” na tela. Dependendo da movimentação dada à espira,ocorrerá aumento ou diminuição do fluxo magnético e, com base nesse movimento, podemos determinar o sentido da corrente criada:
* Afastamento (diminuição do fluxo magnético): sentido horário.* Aproximação (aumento do fluxo magnético): sentido anti-horário.
* Com a variação do fluxo magnético, mesmo constante, gera uma corrente elétrica, intensa ou não, depende-se do campo que se forma na espira circular.

 

Fonte:
MuseudasComunicações / MônicaNobrega / Universidade de Brasília - Inst. Física

 

 

Links Interessantes

Lei de Lenz
Fluxo magnético
Corrente induzida
Campo magnético
Conservação da energia
Transformadoresgeradoresmotores elétricos

 

 

Videos

Aplicações do Fenômeno da Indução | Experimento - Lei de lenz: anel saltante

 

 

 

 

 Voltar para EXPERIMENTOS

© 2017 SABINA - Escola Parque do Conhecimento. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Sabina