Logo 5 2017

 

Menu
Tiago Oliveira

Tiago Oliveira

Semasa abre seleção de projetos ambientais para organizações da sociedade civil

O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), por meio do Fumgesan (Fundo Municipal de Gestão e Saneamento de Santo André) lança nesta semana concurso para selecionar projetos ambientais, de proponentes de organizações da sociedade civil. O valor disponibilizado para o financiamento dos projetos é de R$ 300 mil e cada um dos projetos apresentados poderá ser financiado até o valor máximo de R$ 100 mil. As propostas devem ser apresentadas até o dia 31/7.
  
São três temas prioritários para a seleção dos trabalhos: “Recuperação de áreas degradadas de interesse ambiental para o município”; “Proteção, conservação e preservação de recursos naturais (tanto na área urbana, quanto na de manancial)”; e “Incentivo/promoção de práticas de consumo responsável”.
 
É importante ressaltar que os trabalhos precisam ser direcionados e executados em Santo André, e independentemente da linha temática, os projetos deverão apresentar educação ambiental de forma transversal, conforme diretrizes da Política Municipal de Educação Ambiental. Nesta seleção serão apreciadas apenas as propostas de organizações da sociedade civil cujos objetivos sejam relacionados à gestão ambiental, defesa e proteção dos recursos naturais ou educação ambiental.
 
Os trabalhos serão financiados com recursos do Fumgesan, que recebe verba por meio de doações, multas de infrações ambientais aplicadas na cidade, dentre outros, para fomentar ações que visam o cuidado com o meio ambiente e a qualidade de vida.
 
Os candidatos terão os projetos analisados e escolhidos por representantes do Comugesan (Conselho Municipal de Gestão e Saneamento Ambiental de Santo André), órgão criado com a finalidade de estudar, propor diretrizes, deliberar, fiscalizar e acompanhar a implementação da Política Municipal de Gestão de Saneamento Ambiental na cidade.
 
Mais informações estão disponíveis em www.semasa.sp.gov.br, na área destinada ao Fumgesan. As propostas devem ser protolocadas junto à autarquia, de forma presencial, no Prédio Sede do Semasa, localizado na Avenida José Caballero, 143, Centro – 1º andar. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou pelo telefone 4433-9923.

Santo André é pioneira e realiza Simpósio Regional de Doenças Raras

Evento realizado em parceria com a Faculdade de Medicina do ABC faz parte do Qualisaúde e visa garantir eficiência no tratamento

Santo André, 13 de junho de 2018 – A Prefeitura de Santo André, por meio do Programa Qualisaúde, em parceria com a FMABC (Faculdade de Medicina do ABC), realizou nesta quarta-feira (13), a primeira rodada de palestras do Simpósio Regional de Doenças Raras. A capacitação é destinada aos profissionais da saúde do ABC e termina nesta quinta-feira (14).

"Meu raciocínio como prefeito sempre foi promover a saúde e não se faz saúde sem informação. Se conseguirmos identificar rápido se uma pessoa tem doença raro, será possível garantir uma melhor eficiência no tratamento. Por isso tivemos a iniciativa de realizar esse simpósio", afirma o prefeito Paulo Serra. As atividades acontecem no anfiteatro David Uip, no campus universitário da FMABC, e deve receber cerca de 300 pessoas nos dois dias.

O objetivo do simpósio é contextualizar os profissionais de saúde, principalmente médicos e enfermeiros, sobre o escopo de atuação do ambulatório de doenças raras, como identificar esses pacientes fazendo o diagnóstico precoce e como conduzir o encaminhamento. Entre os temas ministrados estão “Sinais de alerta em genética”, “Quando pensar em erros inatos do metabolismo” e “Quem sofre de baixa imunidade”. A Faculdade de Medicina do ABC fica na avenida Lauro Gomes, 2.000, Vila Sacadura Cabral, em Santo André. Mais informações pelo telefone 4433-2846.

“É importante qualificar e humanizar o atendimento médico para o diagnóstico e tratamento destas patologias raras. Conceito que rege as ações do Qualisaúde, programa que está imprimindo um novo padrão de atendimento na rede municipal. Vamos continuar avançando para que a cidade permaneça como destaque com políticas públicas de qualidade nesta área”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

Em 2016, Santo André foi habilitada como serviço de referência no tratamento de doenças raras, através do Ambulatório de Especialidades da FMABC. No início de 2017, foi inaugurado o primeiro Centro de Referência de Doenças Raras do Estado de São Paulo, na Faculdade de Medicina do ABC. O atendimento é gratuito e busca oferecer consultas com diversos especialistas, exames específicos e trabalho multidisciplinar para pacientes com doenças raras. Em abril deste ano foram disponibilizadas vagas para os demais municípios do ABC.

“A habilitação do serviço de doenças raras no município de Santo André é verdadeiramente um divisor de águas. Antes dessa habilitação os usuários que possuíam doenças raras na região não tinham uma atenção adequada, nem mesmo um lugar para realizar os seus tratamentos no SUS, a partir de agora os usuários serão atendidos por especialistas de qualidade e de forma humanizada”, completou o secretário de saúde, Márcio Chaves.      

Texto: Daniele Vieira
Fotos: Alex Cavanha/PSA

Assinar este feed RSS

Cidadão

Servidores

Empreendedor