Logo 5 2017

 

Menu

Moeda Verde completa 1 ano, chega ao sexto núcleo e já beneficia mais de 32 mil moradores

Moeda Verde completa 1 ano, chega ao sexto núcleo e já beneficia mais de 32 mil moradores

Desde sua implantação, programa já entregou mais de 9 toneladas de alimentos e recebeu em troca 46,7 toneladas de recicláveis

Santo André, 29 de novembro de 2018 - O Moeda Verde estreou nesta quinta-feira (29) no Núcleo Santa Cristina, ampliando sua abrangência para 32,3 mil moradores de comunidades carentes de Santo André. É o sexto núcleo atendido pelo programa, que comemorou um ano de implantação no dia 23 de novembro. Em 12 meses, foram 9,3 toneladas de alimentos hortifrúti entregues para a população que, em troca, reuniu 46,7 toneladas de resíduos recicláveis e os encaminhou para o programa, colaborando para a limpeza da cidade.

No programa Moeda Verde, o morador recebe 1 kg de alimento hortifrúti a cada 5 kg de recicláveis deixados no ponto de troca. O material é encaminhado pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) às cooperativas de reciclagem parceiras da autarquia. O alimento é doado aos moradores pelo Banco de Alimentos da Prefeitura, por meio do Núcleo de Inovação Social, o que incentiva uma alimentação mais saudável nas comunidades.

“É tanta coisa que a gente joga fora todo dia que consegui juntar 20 kg em muito pouco tempo”, contou a moradora Lúcia Dantas, que festejou sua participação no programa nesta quinta-feira. “Não via a hora de chegar aqui”, disse. A dona de casa Maria Aparecida Azevedo contou que também torcia para que o Moeda Verde chegasse no Santa Cristina. “Adorei o projeto. Eu já tinha ouvido falar dele pela TV. Agora que chegou aqui vou juntar ainda mais recicláveis”, afirmou. No primeiro dia em que o programa foi realizado no bairro, Maria Aparecida reuniu 10 kg de recicláveis.

Além do Santa Cristina, o ponto de troca que estreou nesta quinta-feira também atende os moradores dos núcleos Favelinha do Amor e Nova Esperança. Nesta primeira troca, eles puderam levar para casa abóbora, banana, alface, mostarda, rúcula, espinafre, acelga, alface, catalônia e couve. Em troca, foram 164 kg de recicláveis entregues ao programa.

No dia 14 de dezembro, o programa chegará ao sétimo local: núcleo do Jardim Cristiane e Gaturama, quando vai beneficiar direta e indiretamente 35,6 mil pessoas. 

Texto: Viviane Raymundi
Fotos: Helber Aggio/PSA

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo