Logo 5 2017

 

Menu

Feira de Troca de Brinquedos une diversão com desapego no Parque Central

Feira de Troca de Brinquedos une diversão com desapego no Parque Central

Atividade organizada pelo Semasa para o Dia das Crianças foi realizada nesta sexta-feira

Santo André, 12 de outubro de 2018 - O Dia das Crianças teve um toque diferente nesta sexta-feira (12) para centenas de crianças que participaram da 2ª Feira de Troca de Brinquedos, que uniu diversão com a prática de valores como o desapego, a socialização e a economia. Organizado pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), o evento aconteceu no Parque Central.

Thays, de 8 anos, e Thyago, de 11, não viam a hora da Feira começar. Em 2017, na primeira edição do evento, eles foram os primeiros a participar e, este ano, repetiram a dose e chegaram cedinho ao Parque Central. "Eu ainda tenho um brinquedo da Feira do ano passado. Este ano já troquei o que trouxe por dois jogos", comemorou Thyago. 

Um dos objetivos da Feira é dar liberdade para as crianças fazerem suas trocas, interagir com os outros, negociar livremente e refletir sobre o consumismo. Hoje, a maior parte delas expunha os brinquedos que levou em tapetes e depois circulava pelo espaço, na busca de brinquedos que gostaria de ter. 

Foi o que fez Esther, de 11 anos, que chegou à Feira com os pais e a irmã Laura, de 2 anos. Depois de conversar com várias crianças, Esther conseguiu voltar para casa com uma sacola cheia de novas diversões para ela e a irmã. "Soube da Feira pelo Facebook e achei legal vir. Meu marido está desempregado e não poderia comprar nada este ano. Aqui ela mesma acabou escolhendo e negociando o que quis. Também fez trocas para a irmã", disse a mãe das crianças, Nádia Martim.

Segundo alguns pais, a discussão sobre o consumismo já começou em casa, na separação dos brinquedos que deveriam ser levados à feira. "Expliquei a ele como a Feira funcionava e que, talvez, não encontraria nada que gostasse pra trocar", contou Sani Toledo. Com 9 anos, o filho dela, Gustavo, saiu feliz da Feira com mais de cinco brinquedos diferentes.

"Tem muita coisa com a qual ela não brinca mais. Então essa troca é legal porque combate o consumismo", afirmou Vany Baccaria, mãe da Lívia, de 5 anos.

Para vários participantes, este tipo de atividade também é importante porque deixa a criança livre para mostrar o que realmente tem valor para ela. "Às vezes um brinquedo caro é trocado por algo barato. Mas é legal ver que este brinquedo barato o faz feliz. Ele está se divertindo", disse Camila Peixoto, mãe do Heitor, de 6 anos.

Texto: Viviane Raymundi

Fotos: Divulgação/Semasa

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo