Logo 5 2017

 

Menu

Nova proposta curricular moderniza e unifica conteúdo do ensino nas escolas municipais de Santo André

Professores da rede municipal participaram das discussões para elaborar nova matriz curricular Professores da rede municipal participaram das discussões para elaborar nova matriz curricular Helber Ággio

Elaboração do currículo contou com a participação coletiva dos professores da rede; evento reuniu 2 mil profissionais da Educação nesta segunda-feira

Santo André, 8 de outubro de 2018 – Os cerca de 2 mil professores da rede municipal de ensino de Santo André conheceram nesta segunda-feira (8) as linhas gerais da nova proposta curricular que será adotada nas escolas a partir do ano que vem. O novo currículo é o primeiro que unifica os conteúdos e seus sistemas de aplicação nas escolas da cidade, e foi construído com a participação coletiva dos profissionais da Educação, em reuniões que tiveram início em 2017. O tema foi assunto de dois encontros nesta segunda-feira, realizados no Clube Atlético Aramaçan, que contaram com a presença do prefeito Paulo Serra.

“Em um primeiro momento, assim que assumimos a administração da cidade, nos dedicamos à solução de questões urgentes na educação de Santo André, como implementação de uma merenda de qualidade, garantia de uniforme e material para os alunos, ampliação no número de creches, inauguração do novo Cesa no Jardim Irene. Mas paralelamente a isso tudo, o novo currículo foi discutido e formatado, garantindo também a educação de qualidade que queremos para as crianças de Santo André”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

Até agora a EJA (Educação de Jovens e Adultos), a educação infantil e o ensino fundamental tinham abordagens diferentes, e algumas escolas trabalhavam com projetos pedagógicos distintos. “Esta é a primeira vez que definimos concepção única de educação para Santo André, que vai unificar os conteúdos e a forma como serão trabalhados nas diversas etapas do ensino”, destacou a secretária adjunta de educação, Gilzane Machi. “As diretrizes do novo currículo vão oferecer um porto seguro ao professor que deseja melhorar sua estratégia de ensino”, destacou.

De acordo com a secretária adjunta, a concepção que mais atende as necessidades dos alunos de Santo André, adotada depois de muito estudo e discussões, baseia-se na concepção educacional sócio-histórico-cultural do pensador Levy Vigosdky. “É um modelo de educação que, na visão dos profissionais de Santo André, é mais viável e mais indicado para as nossas comunidades, pois propõe o respeito às especificidades de cada região, por exemplo das escolas da áreas de manancial ou das que recebem refugiados, além de valorizar o conhecimento trazido por cada estudante e a partir daí dar início a aplicação do conteúdo. Além disso, essa proposta pode ser modificada com o tempo, de acordo com as necessidades detectadas pelos professores. Mas o importante é que seja um documento com validade, que independa de quem está à frente do governo”, afirmou Gilzane Machi.

Após a apresentação realizada nesta segunda-feira, haverá discussões sobre sistema de avaliação. O documento final será então apresentado para a apreciação do Conselho Municipal de Educaçãol. A necessidade de estabelecimento de diretrizes pedagógicas para a aplicação dos currículos nas cidades brasileiras está determinada no Plano Nacional de Educação, de 2014. A Base Nacional Comum Curricular (BNCC), elaborada em seguida, passou a ser uma referência para a formulação dos currículos dos sistemas e das redes escolares do país. Santo André, ao formatar sua nova matriz curricular unificada, conseguiu equacionar as diretrizes da BNCC com as necessidades do município.

“Vai mudar metodologia, a maneira como se ensina e como aluno aprende. Acredito que em pouco tempo vamos sentir mudança no resultado, porque a nova proposta usa modelos vindos da comunidade de onde o aluno veio. Assim o aprendizado é mais significativa e as matérias são aprendidas de forma mais fluidas”, concluiu a secretária adjunta de Educação.

 

Texto: Paola Zanei

Foto: Helber Ággio

Última modificação emTerça, 09 Outubro 2018 09:19

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo