Logo 5 2017

 

Menu

Santo André será a cidade mais monitorada do país em um prazo de cinco anos

Santo André será a cidade mais monitorada do país em um prazo de cinco anos Alex Cavanha/PSA

Protocolo de intenções do 'Programa Rastro' foi assinado nesta sexta-feira (14) e destinará R$ 25 milhões para otimizar sistemas e câmeras do município

Santo André, 14 de setembro de 2018 – A Prefeitura de Santo André foi a pioneira no país a celebrar, nesta sexta-feira (14), um protocolo de intenções do Programa Rastro, do Governo Federal, que tem o objetivo de integrar as centrais de operação e monitoramento, possibilitando que a cidade seja, nos próximos cinco anos, a mais monitorada do Brasil. Com a assinatura deste documento será possível implementar um novo conceito no monitoramento nas ruas, proporcionando maior sensação de segurança para a população, bem como nos equipamentos públicos, tornando os serviços mais eficientes.

O prefeito Paulo Serra comemorou a assinatura deste protocolo de intenções que mostra que Santo André recuperou seu protagonismo em políticas públicas. “Este importante programa vem em sintonia com tudo que estamos fazendo na cidade, implementando um novo conceito de cidades modernas e mais monitoradas. Estamos equipando a central de monitoramento do trânsito e dobraremos o número de câmeras, chegando a 200. São estes instrumentos tecnológicos que ajudam na qualidade de vida e para um serviço público com mais eficiência”, destacou. O Programa Rastro destinará R$ 25 milhões em um prazo de 5 anos para a implementação das melhorias.

O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações, Gilberto Kassab destacou a importância no ingresso de Santo André na cooperação técnica do Programa Rastro. “Objetivamos nosso desafio no sentido de desenvolver intercomunicabilidades para a Prefeitura de Santo André, que além do seu pioneirismo, terá ampliado seu foco na eficiência, proporcionando melhores instrumentos de gestão pública no dia a dia das pessoas. Além de integrar informações, a segurança pública será beneficiada, a eficiência dos programas aumentará e um melhor gerenciamento tornando a gestão pública cada vez mais transparente”, destacou.

Texto: Daniel Betega

Última modificação emTerça, 18 Setembro 2018 11:20

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo