Logo
Imprimir esta página

Festival de Inverno passeia por ritmos musicais em Paranapiacaba

Festival de Inverno passeia por ritmos musicais em Paranapiacaba

Blues, jazz, metal, forró, MPB, entre outros estilos rechearam o segundo dia de atrações

Santo André, 22 de julho de 2018 – O 18º Festival de Inverno de Paranapiacaba (FIP) teve o segundo dia de atrações neste domingo (22), encerrando o primeiro final de semana de atividades. Com público de aproximadamente 20 mil pessoas, o destaque do evento ficou por conta dos mais diversos estilos musicais que se apresentaram em alguns do principais pontos da vila, agradando o público. Além disso, atrações de teatro, oficinas e feiras também foram opções de entretenimento. O festival continua no próximo final de semana (28 e 29), somando cerca de 188 atrações culturais e mais de 450 artistas envolvidos.

De acordo com o prefeito Paulo Serra, o evento traz a marca da diversidade cultural. “Nesta edição aumentamos o número de atrações das mais diferentes vertentes, apoiando o artista da cidade e trazendo ao público uma gama de opções", comentou.

Logo pela manhã foi aberta a tradicional Feira do Vinil, criada há 14 anos por andreenses e que facilita a vida de quem gosta de comprar e vender seus LPs. A rua da Estação recebeu o projeto Inverno com Arte, em que profissionais realizavam pinturas livres e workshops ministrados por membros da comissão de grafitti da cidade. Esquentando o almoço na rua Direita, o projeto musical "Manatiana: Miscigenação" mostrou o melhor do mix entre ritmos cubanos, brasileiros e muito jazz. Já no Palco do Mercado, o trio Beijo de Moça colocou o público para dançar com muito xote, forró universitário e baião. Já no período da tarde, o Coreto foi "invadido" por um espetáculo circense com mágicas, desafios de lógica, malabarismo, poemas e outras atrações.

A música ditou o tom do dia e nos mais diferentes estilos. Se a data se iniciou com as diferentes misturas americanas, nordestinas e afins, o restante do dia reuniu outras combinações. Música clássica em violoncelo, metal das bandas Cruel Face, Torture Squad e Necromancia, acordeon da artista Lívia Mattos e ainda o fechamento, no fim da tarde, com Guga Stroeter & Orquestra Heartbreakers, no Clube União Lyra Serrano, comemorando 30 anos da big band. A dança também esteve presente com a Academia Voodoo de Corpo e Baile.

O casal Gisele do Prado e Júlio Cesar acompanhou pela segunda vez do Festival e gostou das novidades da Vila. "Eu acho que a história de Paranapiacaba, as curiosidades e a comida são bem interessantes", destacou Gisele. O casal é de Santo André e pretende voltar nos próximos anos. "Cada vez que a gente vem tem alguma coisa nova para ver, na parte da história ou nas atrações, essa é a melhor parte", finalizou Julio.

No próximo final de semana (28 e 29) a festividade continua e traz inúmeras atrações. A programação completa do Festival de Inverno de Paranapiacaba está disponível no site http://www3.santoandre.sp.gov.br/fip/, com atividades das 10h às 22h, passando por apresentações musicais, de dança, teatro, literatura e exposições, entre outras. As ações são realizadas em vários espaços da parte baixa da vila, como a Praça do Antigo Mercado, o Clube União Lyra-Serrano, o Galpão das Oficinas e a Rua Direita.

"É a primeira vez que participo do Festival. Foi uma aventura vir de trem com minhas amigas, amei a gastronomia, os licores, o chocolate quente é maravilhoso, as atrações são bem legais, a vila está muito linda e bem movimentada. No próximo ano vou participar e trazer minha família também", enfatizou Elaine de Lima, moradora de Itaquaquecetuba. 

Estrutura e transporte - Duas linhas intermunicipais gerenciadas pela EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) atendem a região. A vila fica bloqueada para o acesso de carros nos dias de festival, portanto quem for de veículo próprio poderá utilizar estacionamento que é disponibilizado por uma empresa que fica próximo à vila. O valor do estacionamento é de R$ 45, incluso o traslado.

A entrada para o evento é gratuita. Há um ponto de arrecadação de doações para o Banco de Alimentos, para quem puder levar 1 kg de alimento não-perecível, que será destinado a entidades assistenciais da cidade.

A edição deste ano conta com novidades que trouxeram mais comodidade ao público. Foi disponibilizado um número maior de ônibus e vans para o traslado do estacionamento até o Festival e também houve ainstalação do wi-fi gratuito na Vila. Além disso, os visitantes podem baixar o app de Paranapiacaba, que está disponível para sistema Android. O aplicativo traz toda a programação e orientações aos usuários que estão na região.

Texto: Guilherme Menezes
Fotos: Alex Cavanha/PSA

Última modificação emDomingo, 22 Julho 2018 21:59
ATENDIMENTO
1 - Atendimento Presencial Prédio Executivo
. Praça de Atendimento – Praça IV Centenário, 01, Térreo I, Centro – Santo André - Horário: 7h as 18h30.

2 - Atendimento Presencial Descentralizado
. Posto SIM Palmares – Avenida Palmares, 830, Dentro da Coop Zapt, Vila Palmares - Santo André – Horário: 10h as 16h.
. Posto SIM Parque das Nações – Rua Iugoslávia, 31, Parque das Nações – Santo André. Horário: 08h as 17h.
. Posto SIM Santa Terezinha - Alameda Vieira de Carvalho, 35, Santa Terezinha – Santo André. Horário: 08h as 17h.
. Posto de Atendimento Paranapiacaba - Avenida Antônio Francisco de Paula Souza, s/n, Parte Baixa – Horário: 09h as 15h.
. Posto de Atendimento Parque Andreense - Rodovia Índio Tibiriçá, km 39,5, Parque Andreense – Horário: 09h as 15h.

3 - Atendimento Telefônico
. 156 ou 0800-0191944 - PABX: 4433-0111 - Horário: 08h as 17h.