Logo 5 2017

 

Menu

Escolas municipais têm dia de festa cultural

Comemoração teve dança, comidas típicas e decoração caprichada Comemoração teve dança, comidas típicas e decoração caprichada Ricardo Trida/PSA

 Alunos e familiares participaram das atividades em toda a rede de ensino; Prefeitura​ realiza manutenção em quadras das unidades escolares

Santo André, 23 de junho de 2018 - Cerca de 30 mil estudantes da rede municipal de ensino de Santo André e suas famílias tiveram um dia diferente. Neste sábado (23) foi realizada uma festa cultural em todas as unidades, contando como dia letivo no calendário escolar. A festa já é tradicional, assim como as festas juninas são no Brasil todo durante o mês de junho, mas a cada ano o número de pessoas que participam e o capricho na decoração aumentam.

O prefeito Paulo Serra esteve no Cesa Vila Floresta para aproveitar a festa e também conferir o andamento das obras de manutenção da unidade, que passou por intervenções no telhado, revitalização das salas de aula e pintura da quadra.

Além do Cesa Vila Floresta, outras quatro unidades estão tendo suas quadras revitalizadas: Cesa Parque Andreense, Emeief Maria da Graça, Emeief Cidade Takasaki, Emeief José do Prado e Emeief Silvia Orthof.

A rede municipal de ensino é composta hoje por 51 Emeiefs (Escolas Municipais de Educação Infantil e Ensino Fundamental), 37 creches e 12 Centros Educacionais de Santo André (Cesas). Cada unidade produziu a própria decoração e abordou o tema de acordo com a proposta curricular e o perfil da comunidade. Houve festa na roça, festa das nações, trilha do brincar, entre outras.

Nos Cesas, espaços que reúnem Emeief, creche, centro comunitário e área para prática de lazer e esportes, a festa foi ainda maior. Além da decoração com referências à Copa do Mundo em algumas unidades, houve apresentações das turmas das Ações Complementares, que são cursos oferecidos aos alunos no contraturno das aulas regulares, como ballet, taekwondo, circo e ginástica artística, e das turmas de adultos que participam dos cursos e oficinas promovidos nos centros comunitários, além de barracas de comidas típicas da época e muita animação.

Texto: Paola Zamei
Foto: Ricardo Trida

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Cidadão

Servidores

Empreendedor