Logo 5 2017

 

Menu

Acesso gratuito à internet chega ao Parque Escola

Espaço tem pista de caminhada e programação mensal de oficinas Espaço tem pista de caminhada e programação mensal de oficinas Ricardo Trida/PSA

 

Espaço é o quarto parque da cidade a disponibilizar wi-fi; local recebeu melhorias do programa do Banho de Luz, por meio da instalação de 49 postes com iluminação de LED

Santo André, 15 de junho de 2018 - Os usuários da Escola de Educação Ambiental Parque Tangará – Parque Escola agora podem acessar gratuitamente a internet. O espaço, que possui pista de caminhada e oferece programação mensal de oficinas e cursos, é o quarto parque a ser contemplado pelo programa “Wi-fi Livre SA – Santo André Conectada”. O prefeito Paulo Serra esteve no local nesta sexta-feira (15) para testar a conexão que entrou em atividade e também para conferir a nova iluminação por LED, instalada por meio do programa Banho de Luz.

“Até o fim do ano, todos os parques da cidade terão acesso à internet, e também vamos levar o wi-fi gratuito a outros espaços públicos, como as escolas, unidades de saúde e praças. Queremos formar uma grande rede de wi-fi. Isso é muito importante, pois estamos colocando Santo André na era digital, o que faz parte dos desafios da nossa gestão”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

Já estão com internet gratuita disponível os parques Antonio Pezzolo (Chácara Pignatari), na Vila Metalúrgica; Ana Brandão (Parque da Juventude), no Jardim Ipanema, e o Parque Celso Daniel, no bairro Jardim. “Hoje já temos mais de 3,4 mil usuários cadastrados no programa”, acrescentou o prefeito.

As melhorias do programa Banho de Luz chegaram não somente ao interior do Parque Escola, mas também nas ruas do entorno. Foram instalados 49 postes com luminárias de LED, iluminando duas passagens principais, entre a rua Botocudos e a rua Cananéia, o estacionamento do Parque e a rua Grã-Bretanha, além de um trecho de aproximadamente 400 metros da pista de caminhada.

“Quero frisar aqui o papel fundamental da participação da população, tanto na instalação do wi-fi quanto na melhoria da iluminação, por meio do programa Banho de Luz. A gente quer ouvir as pessoas para que depois possa realizar. Agora, com o Parque mais iluminado, a população pode vir mais e aproveitar melhor o espaço”, frisou Serra.

Também farão parte do programa “Wi-fi Livre SA – Santo André Conectada” os parques Ipiranguinha, na Vila Alzira; Regional da Criança-Palhaço Estremilique, no Parque Jaçatuba; Ulysses Guimarães, na Vila Francisco Matarazzo; Cidade dos Meninos, no Parque Novo Oratório; Centenário da Imigração Japonesa Norio Orimura, no Parque Capuava; Parque Escola, no Valparaíso e também o Parque do Pedroso. O investimento da Prefeitura é de R$ 20 mil por parque.

Doação – Durante a visita do prefeito ao Parque Escola, foi realizada a entrega simbólica de doações ao Núcleo de Inovação Social de Santo André, recebidas por sua presidente e primeira dama Ana Carolina Rossi Basseto Serra. Foram doadas roupas de inverno como casaquinhos, meias e tocas para bebês confeccionadas por voluntárias que frequentam o Parque Escola, além de 350 livros e linhas de crochê para fazer o Amigorumi, que são bichinhos de crochê utilizados para o tratamento de prematuros.

Banho de luz - O Banho de Luz é um grande programa de modernização que, desde a sua retomada em 2017, já substituiu mais de seis mil luminárias por lâmpadas de LED, que iluminam mais e que reduzem o consumo de energia em 50%, em média, em toda a cidade. Além disso, o programa contempla um importante sistema integrado de georreferenciamento da iluminação pública. Por meio de computadores interligados, é possível comandar os pontos em LED identificados nos postes e identificar com precisão quais apresentam qualquer tipo de falha, para que as equipes de manutenção possam agir com menor tempo no reparo.

 

Texto: Paola Zanei

Foto: Ricardo Trida/PSA

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo