Logo 5 2017

 

Menu

Prefeitura proíbe circulação de veículos pesados em ruas do Jardim Cambuí e Oriental

Prefeitura proíbe circulação de veículos pesados em ruas do Jardim Cambuí e Oriental Ricardo Trida/PSA

Medida, que inclui implantação de mão única, visa mudar a movimentação no bairro, que não comportava mais o tráfego de caminhões e ônibus

Santo André, 12 de janeiro de 2018 – Para ordenar o tráfego dos bairros Jardim Cambuí e Oriental, o Departamento de Engenharia de Tráfego (DET) realizou um detalhado estudo técnico das ruas Sinai, Quênia e travessa Tarco. A conclusão apontou para a necessidade de implantação de mão única e sinalização de proibição de tráfego de caminhões e ônibus nestes locais a partir da próxima segunda-feira, dia 15.

Estas mudanças atendem às solicitações de moradores da rua Quênia por conta do aumento de tráfego de caminhões e veículos pesados pelo local, visto que após a canalização do córrego Taioca foi aberta passagem da rua Fernando de Medina Braga até a rua Quenia, e se configurou como um caminho alternativo de caminhões entre os bairros Jd. Milena e Jd. Cambuí com o município de São Bernardo do Campo. A medida então proíbe o tráfego destes veículos e distribui e reordena o tráfego de veículos pelas ruas Sinai e Quênia.

O DET orienta que os caminhões e ônibus que se utilizam deste caminho passem a usar as vias principais dos bairros que possuem maior capacidade de pavimento e de tráfego, como as avenidas Rangel Pestana e João Ducim, mais adequadas a este tráfego pesado. Para execução das mudanças, foram instalados banners informativos com o objetivo de informar os motoristas e moradores. A sinalização será feita no período da manhã do próximo dia 15, a partir das 8h, com término previsto para o início da tarde.

Para ordenar o tráfego e orientar os motoristas, o DET destacará agentes no local durante a primeira semana, posicionando sinalização de reforço com cavaletes e cones.

Texto: Daniel Betega

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Cidadão

Servidores

Empreendedor