Logo 5 2017

 

Menu

Parques de Santo André oferecem programação infantil nas férias Destaque

Parques de Santo André oferecem programação infantil nas férias

Destaque está na programação dos parques Celso Daniel, Regional da Criança e Chácara Pignatari

 

Santo André, 9 de janeiro de 2018 – Durante o período de férias, o movimento nos parques costuma ser maior e a criançada faz a festa. Em Santo André, como forma de atender a demanda infantil, diversas programações são ofertadas semanalmente nos parques da cidade. Ao longo do mês, os parques Celso Daniel, Regional da Criança e Chácara Pignatari merecem destaque em sua programação.

Entre os dias 13 e 28 de janeiro, o Parque Celso Daniel, no bairro Jardim, oferecerá a exposição “Mundo Artrópode” gratuitamente. Das 10h às 16h, na lanchonete, a exposição traz mais de cem artrópodes diferentes, representados por meio de exemplares taxidermizados e réplicas em tamanho real, tendo cada espécie uma legenda explicativa que mostra curiosidades sobre o animal ali representado, bem como o local onde habita, tamanho que pode atingir, dieta e várias outras informações. O acervo da exposição encontra-se disposto em cinco sessões diferentes: Pré-históricos, Crustáceos, Insetos, Aracnídeos e Miriápodes. A programação é uma parceria entre a Prefeitura com o Grupo Paleontos e o Curso de Biologia da Fundação Santo André. A atividade é indicada para todas as idades.

Outro evento que se destaca é o “Pra Brincar”, em parceria com o Projeto Livro Vivo. Serão oferecidas atividades e brincadeiras tradicionais como bolha de sabão, caça ao tesouro, corda, amarelinha, pião, oficina de pipa, entre outros. Além disso, também haverá a instalação da geladeira do Projeto Livro Vivo, do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André). O programa consiste em reaproveitar geladeiras que são descartadas nas estações de coleta da cidade, que são grafitadas e utilizadas como prateleira para os livros também descartados.

A idéia é dar um novo uso para os materiais e disponibilizar os livros para que outras pessoas possam lê-los. A atividade é uma parceria da Prefeitura com o Semasa, a Casa Joana e Proibido para Maiores, e acontece a partir do dia 12 no Parque Regional da Criança, no Parque Jaçatuba; e a partir do dia 27 na Chácara Pignatari, na Vila Metalúrgica, sempre das 10h às 16h. Para mais informações sobre o Projeto Livro Vivo, basta acessar o site www.semasa.sp.gov.br/projeto-livro-vivo-leva-literatura-para-parques-e-outros-40-pontos-de-santo-andre/.

Verão no Parque – Além da programação infantil, também são atrativos os foodtrucks. Seis parques da cidade fazem parte do projeto “Verão no Parque” e contam, até dia 6 de março, com dezenas de foodtrucks, bikefoods e barracas, que vendem salgados, doces, gelados e bebidas.

O Parque Central, na Vila Assunção, é o que oferece maior número de opções. Com 18 comerciantes no espaço, o local funciona das 6h às 20h e conta com barracas e foodtrucks de hambúrgueres à sorvetes. Outro destaque é o Parque Celso Daniel, no bairro Jardim, que conta com 14 comerciantes. O espaço funciona das 6h às 24h e tem como diferencial bikefood e comércio de bolas e balões, além dos alimentos e bebidas. Também tem comércio regularizado nos parques Antônio Pezzolo, na Vila Metalúrgica; Regional da Criança, no Jaçatuba; Parque da Juventude, no Jardim Ipanema; e Antônio Fláquer (Ipiranguinha), no Centro.

O projeto-piloto “Verão no Parque” visa ocupar os espaços dos parques públicos da cidade e atrair maior número de visitantes durante o verão. A ação funciona em caráter experimental e visa a exploração dos parques municipais, no primeiro trimestre do ano, como forma de entretenimento e lazer para os munícipes, além de incentivar os comerciantes locais.

 

Texto: Renan Muniz

 

 

 

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo