Logo 5 2017

 

Menu

Munícipes que recebem Benefício de Prestação Continuada precisam se cadastrar até o final do ano

Munícipes que recebem Benefício de Prestação Continuada precisam se cadastrar até o final do ano Alex Cavanha/ PSA

 Inscrição deve ser feita nos Centros de Referência de Assistência Social de Santo André; quem não regularizar situação pode ter o benefício cancelado

Santo André, 21 de novembro de 2017 – Moradores de Santo André que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) precisam passar por cadastramento até o dia 31 de dezembro. Caso contrário, o benefício será cancelado a partir do ano que vem. O novo cadastro é uma determinação do governo federal e vale para todo o país. Em Santo André, 5.326 pessoas recebem o benefício e até agora apenas 10% destes munícipes já fizeram a inscrição.

O BPC é pago pela Previdência Social e disponibiliza um salário mínimo mensal ao idoso acima de 65 anos ou ao cidadão com deficiência física, mental, intelectual ou sensorial de longo prazo, que o impossibilite de participar de forma plena e efetiva na sociedade, em igualdade de condições com as demais pessoas. Em Santo André, a Secretaria de Cidadania e Assistência Social é a responsável por realizar o cadastro.

Para fazer o novo cadastramento, é preciso que o responsável pelo idoso ou deficiente procure um dos sete Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) de Santo André, que funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Este responsável precisa ter mais de 16 anos, morar na mesma casa em que vive o beneficiário e dividir as responsabilidades com despesas e renda. Não é necessário que o beneficiário se dirija ao CRAS.

O objetivo do governo federal ao obrigar a realização dessa inscrição, é que todas as famílias estejam inseridas no Cadastro Único, que é um instrumento que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda, permitindo conhecer melhor a realidade socioeconômica dessa população. Nele são registradas informações como: características da residência, identificação de cada pessoa, escolaridade, situação de trabalho e renda, entre outras.

As famílias que já estão inscritas no Cadastro Único devem atualizar os dados sempre que houver modificações, como mudança de endereço, alteração na composição familiar, ou, ainda, no prazo máximo de até dois anos. A desatualização do cadastro poderá levar à suspensão do benefício. 

Mutirões – Para garantir a inserção no Cadastro Único dos munícipes que recebem o Benefício de Prestação Continuada, a Prefeitura de Santo André, por meio da Secretaria de Assistência Social, está promovendo mutirões de cadastramento nos CRAS Centro e Vila Luzita até 24 de novembro e também nos dias 1, 2, 8, 9 e 15 de dezembro. Além dos mutirões, o munícipe pode comparecer a uma das unidades do CRAS até o dia 31 de dezembro. 

Confira o endereço dos CRAS:

CRAS ALZIRA FRANCO - Rua Amapola, s/n – Jardim Alzira Franco

CRAS CENTRO - Rua Xavier de Toledo, 350 – Centro

CRAS CRISTIANE - Rua Martinópolis, s/n – Vila Bela Vista  (em frente ao nº 126)

CRAS MAREK - Rua Eng. Alfredo Heitzmann Jr, s/n – Marek  (CEU das Artes)

CRAS VILA LUZITA - Estrada do Pedroso, 236 – Vila Luzita

CRAS RECREIO - Rua Arara Azul, 1705 – Recreio da Borda do Campo

CRAS UTINGA - Av. Utinga, 1971 – Vila Metalúrgica

Texto: Daniele Vieira

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Cidadão

Servidores

Empreendedor