Logo 4 2017

 

Menu

Fundação Vanzolini recomenda manutenção da certificação da qualidade do Semasa

Fundação Vanzolini recomenda manutenção da certificação da qualidade do Semasa Divulgação/ Semasa

Auditores externos elogiaram a sistemática de análise crítica de indicadores. Em 2017 sistema completa 21 anos


Santo André, 13 de julho de 2017 - A Fundação Carlos Alberto Vanzolini indicou a manutenção da certificação dos serviços do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) pela norma ISO 9001, versão 2008. As auditorias externas de manutenção ocorreram no final de junho.

O auditor líder, Miguel Cesar Sestokas, destacou, entre os pontos fortes do sistema de qualidade do Semasa, a transparência nos trabalhos realizados, a boa utilização de plataformas on-line para a estruturação da documentação e instruções do SGQ (Sistema de Gestão da Qualidade), a ótima sistemática de análise crítica dos indicadores estratégicos, além da constante busca por inovação nas várias áreas e todo o sistema de telemetria utilizado pela autarquia.

Tanto o auditor líder quanto o segundo auditor, Edilson Ebinger Garcia, estiveram pela primeira vez no Semasa. Edilson foi enfático ao elogiar a sinergia entre os funcionários de todas as áreas em que passou. Para Sestokas “a norma dentro do Semasa está aderente e vemos que vocês estão pensando em ações preventivas, só precisam registrá-las por meio do sistema”, concluiu.

Histórico - O sistema de gestão da qualidade do Semasa foi implantado durante a primeira passagem de Ajan Marques de Oliveira como superintendente da autarquia, há 20 anos. Começou em 1994 e, em dezembro de 1996, o Semasa conquistou a primeira certificação na versão NBR 9002/94 para o sistema de abastecimento de água e coleta de esgoto.

Neste ano, o SGQ da autarquia completará 21 anos. “Utilizamos a série de normas ISO como instrumento de gestão, visando melhorar continuamente a prestação de serviços. O sucesso para manutenção da certificação é fruto do trabalho de todos os gestores e funcionários do Semasa”, afirma.

Desde 1997, o Semasa foi incorporando outras atividades e sendo certificado também nos novos processos. Em 2018, as auditorias serão para recertificação da norma. Até lá, o Semasa deverá se adequar para a nova versão da ISO, que é a 2015.

 

 
 
 
 
 
 
 

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Cidadão

Servidores

Empreendedor