Logo 4 2017

 

Menu

Prefeitura debate mobilidade com 17 municípios da região metropolitana

Prefeitura debate mobilidade com 17 municípios da região metropolitana

Encontro entre secretários da área discutiu assuntos como regulamentação de circulação de cargas, de transporte por aplicativos e projetos de expansão do transporte metropolitano

 

Santo André, 07 de junho de 2017 – A Prefeitura de Santo André sediou nesta quarta-feira (7), no Salão de Eventos Burle Marx, o “2º Encontro de Secretários de Mobilidade e Transporte da Região Metropolitana de São Paulo”, que contou com a participação de representantes de outros 17 municípios da região metropolitana. A reunião teve como objetivo debater os problemas em comum entre as cidades da Grande São Paulo.

Além de secretários de 18 cidades, estiveram presentes no encontro o prefeito Paulo Serra; o secretário estadual de Transportes Metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni; o presidente da ANTP – Associação Nacional de Transportes Públicos, Ailton Brasiliense; o Presidente do SETCESP – Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas de SP e Região, Tayguara Helou; o presidente da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos), Joaquim Lopes e o representante da CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos, Luciano da Luz.

Para a secretária adjunta de Mobilidade Urbana de Santo André, Andrea Brisida,  a mobilidade é uma das políticas públicas que mais tem necessidade de ser discutidas em conjunto. “Na prática, a região metropolitana de São Paulo acaba não tendo uma divisão fixa entre as cidades devido à circulação constante de veículos,  então os assuntos de mobilidade são em comum entre os municípios locais. Conseguimos ampliar e criar essa discussão regional, que é algo inédito no país”, disse Andrea.

 Um dos principais assuntos debatidos foi a necessidade de uniformização da regulamentação de circulação de cargas na região metropolitana, tendo como encaminhamento a criação de um grupo de trabalho para proposta de unificação, formado por Guarulhos, São Paulo, Santo André, Osasco, Franco da Rocha e Embu-Guaçu. A idéia é que as restrições de horário de circulação e tamanho, que já acontecem em alguns municípios, sejam unificadas nestas cidades.

Outro importante assunto debatido foi a necessidade de discussão para regulamentação de transporte por aplicativos, tendo como encaminhamento a criação de um grupo para estudar uma propostas de regulamentação, formado pelos municípios de Taboão, Guarulhos, Santo André, Cajamar e São Paulo. “Discutimos mais um grupo de trabalho para pensar nas propostas e pensar na regulamentação. Mesmo que ainda haja uma pendência federal quanto ao assunto, a idéia é que possamos nos adiantar e na próxima reunião a idéia é já ter um bom diagnóstico”, afirmou Andrea.

No encontro, o secretário de Transportes Metropolitanos também apresentou projetos de expansão da malha de transporte metropolitano que atende a região, assim como a necessidade de avançar nas discussões sobre a criação da autoridade metropolitana e da integração tarifária metropolitana.

O próximo encontro de secretários será no dia 2 de agosto, em Guarulhos, onde serão apresentados os avanços nas discussões da regulamentação de circulação de cargas, propostas para um comitê integrado de comunicação e o diagnóstico feito sobre a regulamentação do sistema de transporte por aplicativos.

 

Unidade de Comunicação e Eventos
Renan Muniz – Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

Cidadão

Servidores

Empreendedor