Logo 4 2017

 

Menu

Sabina é opção de passeio no feriado prolongado

Portão de acesso pelo Parque Central é uma das novidades do espaço Portão de acesso pelo Parque Central é uma das novidades do espaço Júlio Bastos/PSA

Escola Parque do Conhecimento estará aberta ao público na sexta-feira e no final de semana, das 9h30 às 17h30; há sessões do Planetário às 11h e às 15h

Santo André, 20 de abril de 2017 - O final de semana prolongado chegou e com ele a oportunidade de matar a saudade da Sabina Escola Parque do Conhecimento de Santo André, um espaço dedicado ao ensino deSABINA Foto JulioBastos PMSA 113 Copy ciências e de artes por meio da interatividade. Fechada no ano passado, a Escola Parque passou por reestruturação e voltou a abrir para visitação do público com novidades, como a nova entrada pelo Parque Central e o horário de funcionamento ampliado – antes de ser fechado, o espaço funcionava a partir do meio-dia e agora abre às portas às 9h30. Crianças e adultos poderão curtir na sexta, no sábado ou no domingo as atrações espalhadas pelo pavilhão de 11 mil m², pensado para promover o conhecimento de uma forma lúdica e divertida.

Depois de checar as horas no relógio de sol, que fica logo na entrada da Sabina, e observar os resíduos reaproveitados que compõem o grande Planeta Terra no estacionamento, o visitante é recepcionado pelo simpático robozinho Bit. E daí pra frente a atenção toda vai para a imensa réplica do esqueleto de um Tyranossaurus Rex em tamanho natural e para a agilidade do nado dos pingüins-de-magalhães do pinguinário. Entre os diversos equipamentos que ensinam ciências está o Gerador de Van der Graaf, que deixa o cabelo em pé.

Estudantes que vão com as escolas à Sabina em visitas agendadas durante a semana, e o público espontâneo, que passeia por lá nos finais de semana e feriados, encontram também mais de 150 equipamentos interativos para aprender conceitos de ciência brincando. Também podem conferir a beleza de um aquário com moréias, raias, vários peixes e um tubarão lixa, além de um serpentário, e ainda terem a possibilidade de se transformarem em paleontólogos, escavando em um tanque de areia uma ossada soterrada de dinossauro.

Dois simuladores também proporcionam momentos inesquecíveis ao unir experiências visuais com sensações físicas. A Nave Simuladora, por exemplo, dá aos visitantes a sensação de estar sobrevoando Santo André até o litoral paulista, terminando o “passeio” com mergulho também simulado no fundo do mar para ver os habitantes da área marinha preservada conhecida como Laje de Santos. O outro simulador, chamado Fúria da Natureza, possibilita ao visitante o contato com fenômenos como furacões, vulcões e terremotos, por meio de plataforma móvel bem segura.

Planetário – A Sabina Escola Parque do Conhecimento abriga, ainda, o mais moderno planetário da América Latina. O Planetário e Cinedome - Johannes Kepler, com capacidade para 247 pessoas, é o único com sistemas de projeção ótico e digital funcionando de forma sincronizada para reproduzir quase 6 mil estrelas pontuais, com brilho, cores e cintilações semelhantes aos da natureza. A sessão dura cerca de 40 minutos com imagens produzidas por dois projetores integrados para exibirem imagens em 360° (full dome) com altíssima qualidade. As sessões acontecem aos finais de semana e feriados.

O acervo da Sabina é dividido em áreas do conhecimento para auxiliar a compreensão dos temas e a localização do visitante dentro do pavilhão.

Veja abaixo quais são as áreas:

Ciências da Terra, Ambiente e Sustentabilidade

Nosso planeta é nossa morada e o entendimento de seu funcionamento é uma necessidade em uma viagem pelo conhecimento. Na Sabina, o indivíduo é localizado em seu tempo e espaço, no planeta e no seu município.
As atividades são elaboradas para permitir uma experiência sensorial e interativa sobre a evolução do Universo até chegarmos em nosso planeta com seus grandes padrões de atividade, tectônicos e atmosféricos, e na origem da vida. Também podem ser observados os efeitos da ação do ser humano sobre a Terra e seus recursos e a tecnologia aplicada à busca da sustentabilidade.

• Relógio do Sol
• Relógio de Areia
• Roupa de Gaia
• Mapa Gigante
• Túnel Origem do Universo
• Fúria da Natureza
• NOC – Núcleo de Observação do Céu
• Planetário Johannes Kepler

Ciências da Vida

A vida é um mistério, mas a compreensão das variadas formas que esta assume em nosso planeta e como ela funciona é um dos assuntos mais estimulantes para qualquer pessoa.
O ser humano tem o desejo de conhecer e conviver com os demais seres vivos e sabe da importância disso para sua própria sobrevivência na Terra. Nesta área da Sabina, a viagem pelo conhecimento é programada para permitir uma visão rápida, porém deslumbrante, da diversidade atual e do passado e a posição de interdependência da espécie humana.

• Dinossauros
• Fósseis
• Sítio Paleontológico
• Tanque de Observação
• Aquário
• Pinguinário
• Serpentário
• Expositor de conqueologia
• Nave Simuladora
• Boneca Nina

Ciências Físicas, Biológicas e Tecnológicas

Uma característica inerente ao ser humano é a busca pela compreensão dos processos que regem a natureza. Com isso construímos instrumentos, evoluímos tecnicamente e chegamos às modernas sociedades, quando diariamente novas tecnologias nos são apresentadas.
A interpretação dos processos físicos naturais e sua aplicação para o bem-estar da humanidade estão distribuídas nesse setor. Experimentos, aparelhos, equipamentos tecnológicos, assim como modelos, permitem o entendimento das forças fundamentais do universo e sua aplicabilidade através da criatividade humana. Aqui também os instrumentos musicais, mistura de técnica e criatividade unem a arte e a ciência.

• Experimentos de Ótica
• Experimentos de Mecânica
• Experimentos de Termodinâmica
• Experimentos de Eletricidade e Magnetismo
• Experimentos de Acústica
• Braço Robótico
• Homem Virtual
• Mundo Microscópico
• Simulador de Micro gravidade
• Jogos Matemáticos
• Cérebro- Sala das Percepções

Arte e Comunicação

A criatividade, característica comum à arte e a ciência, são o norte desta etapa da viagem pelo conhecimento. Mas não é só o momento criativo que é comum às duas áreas.
Artistas sempre utilizaram recursos tecnológicos, dos pigmentos naturais ao computador, para se expressar. Hoje as ciências utilizam recursos artísticos para representar fenômenos, das células às galáxias. Por isso, a Sabina não poderia deixar de incluir arte no seu espaço.
Além dos instrumentos musicais, exposições temporárias aprofundarão a relação entre arte e ciência

Salão de Exposições Temporárias
• Ateliê
• Laboratório de Comunicação
• Instalações Musicais

Crédito das fotos; Júlio Bastos/PSA


Serviço:
Sabina Escola Parque do Conhecimento
Endereço: Rua Juquiá, s/nº, Vila Eldízia (entrada na altura do nº 135)
Horário: Sábados, domingos e feriados, das 9h30 às 17h30. As sessões do Planetário são às 11h e às 15h.
Ingressos: Grátis para alunos e professores das escolas municipais de Santo André, para crianças menores de 5 anos e pessoas com deficiência. Demais visitantes: R$ 20, com meia-entrada para estudantes, professores, servidores públicos andreenses, aposentados e idosos acima de 65 anos. Interessados em assistir a uma das sessões do Planetário e Teatro Digital de Santo André - Johannes Kepler pagam R$ 30, a inteira, com direito a passeio por toda a Sabina.
Estacionamento: Gratuito, sujeito à disponibilidade de vagas
Mais informações pelo telefone 4422-2000.

 

Última modificação emQuinta, 20 Abril 2017 17:35

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo

post novo 02

Cidadão

Servidores

Empreendedor